Anúncios Airlitgh

RCWTV - Sua fonte de notícias de Juiz de Fora e região.

Sabado, 15 de Junho de 2024
https://rezato.com.br/
https://rezato.com.br/

Saúde

Minas Gerais inicia campanha de vacinação contra a influenza

Campanha ocorrerá de 25 de março a 31 de maio

Ronã Guilherme
Por Ronã Guilherme
/ 143 acessos
Minas Gerais inicia campanha de vacinação contra a influenza
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Com a aproximação do período de baixas temperaturas e aumento da circulação de vírus respiratórios, a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) está enfatizando a importância da vacinação contra a influenza (gripe). A campanha, que ocorrerá de 25 de março a 31 de maio, terá início em vários municípios ainda nesta semana, com o dia de mobilização nacional previsto para 13 de abril.

 

Um total de 844 mil doses da vacina contra a influenza foi recebido pelo estado em 15 de março, e foram distribuídas às regionais de saúde. Mais doses serão disponibilizadas ao longo do período de vacinação, de acordo com o Ministério da Saúde. Estima-se que 8,7 milhões de pessoas em grupos prioritários serão vacinadas em Minas Gerais.

Leia Também:

 

Josianne Gusmão, coordenadora estadual do Programa de Imunizações da SES-MG, enfatiza que a vacinação contra a influenza é fundamental para prevenir complicações, internações e mortes decorrentes da infecção pelo vírus.

 

“A vacina influenza trivalente utilizada pelo Sistema Único de Saúde (SUS) é eficaz contra as cepas H1N1, H3N2 e tipo B. A detecção de anticorpos protetores se dá entre duas e três semanas depois da vacinação e apresenta, geralmente, duração de 6 a 12 meses. O pico máximo de anticorpos ocorre após quatro a seis semanas e a proteção conferida pela vacinação é de aproximadamente um ano, por isso ela deve ser realizada anualmente”, explica.

 

A meta é imunizar 90% de cada um dos grupos prioritários. Em 2023, Minas Gerais registrou a aplicação de 7.452.798 doses da vacina, com uma cobertura de 68,8% nesses grupos.

 

Até fevereiro de 2024, foram notificados 11 casos de influenza, com um óbito. Gilmar José Coelho Rodrigues, coordenador de Programas de Vigilância de Doenças Transmissíveis Agudas da SES-MG, destaca a importância da vacinação para proteger contra a gripe e a covid-19, especialmente considerando a semelhança de sintomas entre as duas doenças.

 

"Os principais sintomas da gripe são febre, dor no corpo, dor de garganta, tosse e dor de cabeça e se assemelham com os sintomas da covid-19.

Por isso, a vacinação é uma das medidas de prevenção mais importantes para proteger contra essas doenças. A vacina contra a influenza pode ser administrada junto com a vacina da covid-19, então recomendamos aproveitar a oportunidade da campanha de vacinação para atualizar a situação vacinal também para covid-19 nos grupos elegíveis”, alerta.

 

Prevenção

 

Outras medidas podem auxiliar na prevenção, além ds vacinação. São elas: 

 

- lave as mãos com água e sabão ou use álcool em gel, principalmente antes de consumir algum alimento;

 

- utilize lenço descartável para higiene nasal;

 

- cubra o nariz e boca ao espirrar ou tossir;

 

- evite tocar mucosas de olhos, nariz e boca;

 

- não compartilhe objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;

 

- mantenha os ambientes bem ventilados;

 

- evite contato próximo a pessoas que apresentem sinais ou sintomas de gripe;

 

- evite aglomerações e ambientes fechados (procure manter os ambientes ventilados);

 

- adote hábitos saudáveis, como alimentação balanceada e ingestão de líquidos.

 

Público prioritário para vacinação contra influenza:

 

- crianças (6 meses a menores de 6 anos);

 

- gestantes e puérperas;

 

- trabalhadores de saúde;

 

- povos indígenas;

 

- quilombolas;

 

- professores;

 

- pessoas com comorbidades;

 

- pessoas com deficiência permanente, a partir de 12 anos;

 

- caminhoneiros e trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso;

 

- trabalhadores portuários;

 

- Forças de Segurança, Salvamento e Forças Armadas;

 

- pessoas em situação de rua;

 

- população privada de liberdade e funcionários do sistema de privação de liberdade;

 

- adolescentes menores de 18 anos sob medidas socioeducativas.

 

Mantenha seus amigos informados... Compartilhe esta matéria!

 

Acesse o nosso site e receba notícias da RCWTV no Whatsapp. Participe do nosso grupo e fique por dentro das principais notícias que movimentam o nosso site.

 

Curta e siga nossas redes sociais.

Comentários:
Ronã Guilherme

Publicado por:

Ronã Guilherme

Aluno do curso de Jornalismo da Universidade Estácio de Sá.

Saiba Mais
rcwtv
rcwtv

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )