Anúncios Airlitgh

RCWTV - Sua fonte de notícias de Juiz de Fora e região.

Quarta-feira, 17 de Abril de 2024
https://rezato.com.br/
https://rezato.com.br/

Economia

Agronegócio Mineiro Bate Recorde de Exportações em Janeiro

Vendas Internacionais do Setor Crescem 6,7%, Impulsionadas pela Demanda Chinesa

Marcus Macedo
Por Marcus Macedo
Agronegócio Mineiro Bate Recorde de Exportações em Janeiro
Seapa / Divulgação
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

As exportações do agronegócio de Minas Gerais atingiram um marco histórico em janeiro, alcançando US$ 1,1 bilhão, um aumento de 6,7% em comparação ao mesmo período do ano anterior. Esse desempenho estabelece um novo recorde para o mês desde o início dos registros em 1997. Com o embarque de 832,5 mil toneladas, houve um crescimento de 7,6% no volume, destacando a forte demanda por alimentos, especialmente da China, que lidera as importações dos produtos mineiros.

O subsecretário de Política e Economia Agropecuária da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), Caio César Coimbra, enfatizou a importância da China no cenário exportador mineiro, com compras que somaram US$ 195,2 milhões em janeiro, um crescimento de 3,4% em relação ao ano anterior. Produtos como celulose, carne bovina, café, soja e açúcar foram os mais procurados pelo mercado chinês.

Além da China, que representou 18% do total exportado por Minas Gerais, outros países como Estados Unidos, Alemanha, Bélgica e Itália também se destacaram como principais destinos dos produtos agropecuários mineiros.

Leia Também:

O café se manteve como o carro-chefe das exportações do agronegócio do estado, gerando uma receita de US$ 571,6 milhões e representando quase 53% do total das vendas externas. Os Estados Unidos foram o principal destino, enquanto a China surpreendeu com um aumento de 360% nas compras em comparação a janeiro de 2023.

No segmento do complexo sucroalcooleiro, composto principalmente por açúcar de cana, as vendas alcançaram US$ 154,9 milhões, com destaque para China e Arábia Saudita como maiores compradores.

O setor de carnes também mostrou bons resultados, especialmente nas exportações de carne bovina e suína, que totalizaram 20,8 mil toneladas. Apesar de uma leve queda na receita, a demanda se manteve aquecida, com a carne bovina liderando as vendas.

O segmento de produtos florestais e o complexo soja também registraram números expressivos, com aumento no volume e na receita, respectivamente. A soja em grão e o farelo de soja foram os itens mais comercializados, evidenciando a diversidade e a força do agronegócio mineiro no mercado internacional.

Este desempenho reforça a posição de Minas Gerais como um dos principais estados exportadores do agronegócio brasileiro, beneficiado pela crescente demanda global por alimentos e pela qualidade e variedade de seus produtos agropecuários.

FONTE/CRÉDITOS: SEAPA - Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento
Comentários:
Marcus Macedo

Publicado por:

Marcus Macedo

Saiba Mais
rcwtv
rcwtv

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )