Anúncios Airlitgh

RCWTV - Sua fonte de notícias de Juiz de Fora e região.

Segunda-feira, 24 de Junho de 2024
rcwtv
rcwtv

Policial

PM da reserva morre após entrar em posto policial

Justiça Militar investiga ocorrência que resultou na morte de oficial veterano em Juiz de Fora

Redação
Por Redação
/ 460 acessos
PM da reserva morre após entrar em posto policial
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

O Ministério Público mineiro apresentou uma denúncia à 4ª Auditoria de Justiça Militar em Belo Horizonte contra dois sargentos da Polícia Militar em Juiz de Fora, Minas Gerais, em relação à morte do 1º tenente Manoel Ferreira, de 82 anos. O oficial veterano entrou em um posto policial para registrar uma ocorrência e acabou falecendo posteriormente. Um laudo pericial da Polícia Civil confirmou que o oficial chegou a ficar paraplégico. Imagens de câmeras de monitoramento registraram o momento em que a vítima entrou na sede da Companhia da Polícia Militar e saiu de lá em uma viatura do Samu, sendo levada a um hospital em estado grave.

De acordo com a acusação elaborada pelo promotor Hélvio Simões Vidal, os dois policiais militares ativos são acusados de abuso de autoridade, sendo que um deles também é qualificado por violência contra superior praticada em serviço, resultando na morte do oficial. Manoel, que informou ser militar da reserva, foi preso por desacato após o policial exigir a exibição de sua identificação militar, mesmo ele estando apenas com a identidade civil.

Publicidade

Leia Também:

Segundo o relato gravado pelo próprio oficial aposentado no leito de hospital, o policial o questionou sobre o motivo de realizar o boletim de ocorrência no último dia permitido por lei. Após a negativa da vítima de apresentar sua identidade militar, as agressões teriam começado, culminando com o arremesso violento do oficial contra a parede, mesmo ele mencionando problemas na coluna. Posteriormente, foi constatada a veracidade da identidade militar da vítima no sistema intranet da PM.

Manoel Ferreira faleceu quase três meses depois da internação, sendo que a causa da morte foi uma pneumonia associada à ventilação mecânica e à internação prolongada. O laudo pericial da Polícia Civil revelou que o oficial, que já possuía problemas de saúde como diabetes, hipertensão e hérnias de disco, ficou paraplégico devido a um trauma raquimedular e lesão medular aguda causados por um instrumento contundente.

O promotor Hélvio Simões Vidal explicou que o oficial aposentado foi inicialmente indiciado por desacato a militar, mas o mesmo batalhão que abriu essa investigação também iniciou outra para apurar as circunstâncias da morte do idoso. O Ministério Público considerou o caso como lesão corporal culposa, porém o promotor ressalta que a vítima já estava morta quando a nova investigação foi aberta.

A Justiça Militar de Minas Gerais informou que recebeu a denúncia do Ministério Público em fevereiro de 2023 e que o processo está em andamento, garantindo aos acusados o direito à ampla defesa e ao contraditório. A Polícia Militar de Juiz de Fora ainda não se manifestou sobre o caso.

 

Para receber notícias da RCWTV no Whatsapp e ficar por dentro das principais notícias, participe do nosso grupo: link para o grupo no Whatsapp

FONTE/CRÉDITOS: https://www.em.com.br/app/noticia/gerais/2023/05/22/interna_gerais,1497218/pm-da-reserva-morre-depois-de-entrar-em-posto-policial-em-juiz-de-fora.shtml
Comentários:
Redação

Publicado por:

Redação

Portal de notícias criado em novembro de 2020 para informar a população sobre acontecimentos da cidade de Juiz de Fora e região.

Saiba Mais
https://rezato.com.br/
https://rezato.com.br/

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )