Anúncios Airlitgh

RCWTV - Sua fonte de notícias de Juiz de Fora e região.

Domingo, 21 de Abril de 2024
https://rezato.com.br/
https://rezato.com.br/

Juiz de Fora

Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência faz registro das primeiras entidades da rede de promoção e defesa

O encontro ocorreu na tarde desta terça-feira, 18, na Casa dos Conselhos

Arthur Abrahão
Por Arthur Abrahão
Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência faz registro das primeiras entidades da rede de promoção e defesa
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Pela primeira vez desde sua criação em março de 2014, o Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência (CMDPD/JF) se reuniu para deliberar a respeito da resolução que dispõe sobre registro de entidades não governamentais e inscrição de programas, projetos e serviços governamentais que atuam no atendimento à pessoa com deficiência em Juiz de Fora. 

O encontro ocorreu na tarde desta terça-feira, 18, na Casa dos Conselhos, espaço responsável pela estruturação, apoio administrativo e assessoramento técnico dos conselhos municipais, promovendo a coexistência e a troca de experiências entre os oito conselhos executores de políticas públicas.

Na reunião foi efetivado todo o processo de trabalho da Comissão Permanente de Normas Regulamentação, Inscrição de Entidades, onde foram aprovados os primeiros registros de entidades da rede de promoção e defesa da pessoa com deficiência de Juiz de Fora, como um marco inicial do processo de acompanhamento dessa política. O CMDPD/JF deliberou o registro das seguintes entidades: Atendimento Socioassistencial (Imepp), Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais Juiz de Fora (Apae), Instituto de Clínica e Cirurgia Santa Catarina, Instituto Vitória Vida Nova, Hospital Evandro Ribeiro, Instituto Bruno Vianna, Fundação João Theodósio Araújo – Associação dos Cegos em Juiz de Fora, Sociedade Eunice Weaver de Juiz de Fora – Educandário Carlos Chagas e Centro Especial de Convivência.

Leia Também:

Para a presidente do CMDPD, Valéria Andrade, o conselho está vivendo uma fase importante e o registro de entidades vem coroar toda uma trajetória de reconstrução deste espaço enquanto controle social. “Para nós é histórico esse trabalho, já que nunca havia sido feito. Foi uma ação realizada pela comissão com o apoio da equipe técnica da Casa dos Conselhos onde nós registramos as entidades que cuidam hoje da política socioassistencial. Também iremos fazer o registro de todos os serviços, programas, projetos governamentais para que tenhamos uma rede bem construída para podermos regularizar a busca de financiamentos da política pública por meio Fundo Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência”, destacou.

Segundo a coordenadora da Casa dos Conselhos, Valéria Martins, o momento representa um divisor de águas na trajetória do CMDPD, uma vez que, o Conselho enquanto instância máxima da política da pessoa com deficiência tem como um das principais competências protagonizar a rede de atendimento e defesa dos direitos desta parcela da população. “Efetuando o registro dessas Entidades, o CMDPD/JF celebra a grande conquista de reconhecê-las como aptas a executar a política de Promoção e Assistência às Pessoas com Deficiência em nossa cidade”.

O Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência, é vinculado à Secretaria Especial de Direitos Humanos (SEDH), com o objetivo de assessorar à Prefeitura de Juiz de Fora na formulação e implementação da política de promoção das pessoas com deficiências, no sentido de sua inserção na cidadania ativa. É normatizado pela Lei nº 9.601, de 30/09/1999.

 

Receba notícias da RCWTV no Whatsapp e fique por dentro das principais notícias que movimentam o nosso site! Participe do nosso grupo:
https://chat.whatsapp.com/EeSJvQx8kVA3J3kMmSevMw

 

Curta e siga nossas redes sociais


#noticias de juiz de fora, #juiz de fora, #rcwtv, #noticias minas gerais, #pjf, #notícias em juiz de fora, #notícias em minas gerais, #noticias mg

Comentários:
Arthur Abrahão

Publicado por:

Arthur Abrahão

Jornalista formado pelo Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora CES-JF em 2017.

Saiba Mais
rcwtv
rcwtv

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )