Anúncios Airlitgh

RCWTV - Sua fonte de notícias de Juiz de Fora e região.

Segunda-feira, 04 de Marco de 2024
rcwtv
rcwtv

Região

Minas é o primeiro estado do Brasil a superar marca de 5 GW de geração de energia solar fotovoltaica

Com projetos voltados ao desenvolvimento sustentável, Governo do Estado garante competitividade no setor de energia limpa e renovável

Redação
Por Redação
Minas é o primeiro estado do Brasil a superar marca de 5 GW de geração de energia solar fotovoltaica
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Minas Gerais faz história mais uma vez em relação à energia solar fotovoltaica como primeiro estado brasileiro a superar a marca de 5 GW de geração de energia solar fotovoltaica em operação, de acordo com dados públicos divulgados pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). 

O pioneirismo em relação a esse tipo de energia, evidenciado pelos números, reforça o protagonismo e o compromisso do Governo do Estado com a geração de energia limpa, barata e renovável.  

A participação da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede), por meio da Superintendência de Política Minerária, Energética e Logística, tem sido essencial para a manutenção da vanguarda de Minas Gerais quando o assunto é energia solar fotovoltaica. 

Para o secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio, a conquista de Minas em relação à geração de energia solar reflete “investimentos sólidos e constantes no setor, além da melhoria no ambiente de negócios voltados para energia sustentável, fortalecendo a cadeia produtiva da geração de energia solar e prospecção de investimentos voltados para esse tipo de energia’’. 

Cenário energético 

A liderança mineira em relação à energia solar fotovoltaica pode ser explicada pela contabilização tanto por geração centralizada (que inclui grandes usinas) quanto por geração distribuída (pequenos módulos descentralizados).  

Somente de janeiro a março de 2023, 823 MW de geração centralizada entraram em operação em Minas Gerais nos municípios de Jaíba, Araxá, Janaúba e Pirapora. 

No mesmo período, o estado entrou em operação de 267 MW em geração distribuída. Portanto, somente no primeiro trimestre de 2023, Minas Gerais foi contemplada com o acréscimo de 1,09 GW de energia solar fotovoltaica em operação. 

Entre as ações do governo, a avaliação de um cluster fotovoltaico (conjunto de servidores) em Minas evidenciou gargalos na cadeia produtiva e possibilitou a tomada de decisões efetivas. Assim, foi possível encaminhar medidas para possibilitar o crescimento da geração de energia solar e o desenvolvimento econômico das regiões contempladas, gerando emprego e renda.

Energia solar em 100% dos municípios  

Atualmente, todos os 853 municípios de Minas Gerais possuem módulos fotovoltaicos geradores de energia solar. 

A cobertura de 100% dos municípios com esse tipo de energia ajuda a explicar a liderança nacional do estado no setor. 

Além da força em energia solar, o governo tem desenvolvido boas práticas de sustentabilidade, como é o caso "Race to Zero”, compromisso global pactuado por Minas Gerais a fim de zerar emissões líquidas de gases do efeito estufa até 2050. 

Também há diretrizes que norteiam a “Rota de Descarbonização”, programa lançado pelo Governo de Minas Gerais para atrair empreendimentos verdes sob a premissa da geração de emprego, renda e oportunidades no escopo da sustentabilidade ambiental. 

Sol de Minas

De fundamental importância no contexto da energia solar fotovoltaica, o Projeto Sol de Minas tem alavancado o protagonismo do Estado diante da cadeia produtiva do setor desde a sua implementação, em 2019. 

Por meio de diversas frentes de atuação, o projeto estadual já capacitou mais de 70 prefeituras municipais para fomentar e atrair empreendimentos do setor solar. 

Inspirado no Projeto Sol de Minas, o município de Ubá, participante da capacitação, lançou o Projeto Sol de Ubá, em que empreendimentos de energia solar fotovoltaica serão construídos para atender a administração pública municipal. 

Além de resultados junto aos municípios, o Projeto Sol de Minas simplificou o licenciamento ambiental para empreendimentos de energia solar fotovoltaica em Minas Gerais, renovou incentivos ficais para a cadeia produtiva do setor e lançou, em conjunto com a Cemig, o mapa de disponibilidade de rede on-line, em que os ativos de energia da concessionária disponíveis para a conexão de empreendimentos de energia solar podem ser consultados com facilidade, bastando apenas existir acesso à internet. 

Todas essas medidas foram importantes para aumentar a capacidade de geração de energia elétrica em Minas Gerais, fortalecendo a cadeia produtiva da geração de energia solar fotovoltaica e aumentando a participação de energias limpas na matriz energética do estado, reduzindo a emissão de gases do efeito estufa. 

Comentários:
Redação

Publicado por:

Redação

Portal de notícias criado em novembro de 2020 para informar a população sobre acontecimentos da cidade de Juiz de Fora e região.

Saiba Mais
https://rezato.com.br/
https://rezato.com.br/

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )