Anúncios Airlitgh

RCWTV - Sua fonte de notícias de Juiz de Fora e região.

Domingo, 14 de Julho de 2024
rcwtv
rcwtv

Esporte

QUATRO ATLETAS DA BOCHA CASA D'ITALIA JF VÃO DISPUTAR O BOLIM DE OURO BRASIL 2022

Everaldo Medeiros, Francis Cipriani, Francisco Farinelli (Chico) e Marcelo Faria disputarão a competição nacional em São Paulo, que terá a presença dos melhores atletas do país.

Redação
Por Redação
/ 719 acessos
QUATRO ATLETAS DA BOCHA CASA D'ITALIA JF VÃO DISPUTAR O BOLIM DE OURO BRASIL 2022
Registro de parte dos atletas de Minas que disputaram o Bolim de Ouro 2021. Foto: Arquivo Bocha Casa D'Italia JF.
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

A Bocha Casa D'Italia JF estará representada com quatro atletas no Bolim de Ouro Brasil 2022. O evento será realizado entre sexta-feira (02) e domingo (04), no estado de São Paulo. Os jogadores da 'Azzurra Juiz-forana', Everaldo Medeiros, Francisco Farinelli (Chico), Francis Cipriani e Marcelo Faria se inscreveram na competição, onde todos os jogos são disputados na categoria individual. O torneio vai contar com a presença dos melhores atletas do país, vindos de vários estados. 

Do quarteto, apenas Chico não disputou ano passado, sendo que os outros três representaram a Bocha Casa D'Italia JF, na ocasião, em companhia do atleta Wellington Souza (Letinho). Dentre todos os atletas de Minas, Francis tem a melhor colocação no ranking atual do Bolim de Ouro, estando posicionado em 24° lugar. Ele é o atual campeão mineiro individual, conquistando o título no torneio disputado em São João del Rei, em maio deste ano. 

Na foto, Everaldo Medeiros (à esquerda) e Francisco Farinelli - Chico - (à direita), representaram a Bocha Casa D'Italia JF no Bolim de Ouro Brasil 2020. Foto: Arquivo Bocha Casa D'Italia JF. 

 

Leia Também:

Na foto, Marcelo Faria (à esquerda) e Francis Cipriani (à direita) durante uma competição disputada em Juiz de Fora neste ano. Foto: Divulgação. 

 

 

Nos últimos anos, a equipe vem participando de algumas competições nacionais pelo país. Em março deste ano, a Casa D'Italia disputou a principal competição nacional de bocha por equipes, a Taça Brasil de Clubes, realizada em São Bernardo do Campo - SP, cidade sede das fases finais do Bolim de Ouro. 


Juiz-foranos em peso na edição de 2022 

Na edição deste ano, o Bolim de Ouro teve recorde nas inscrições de atletas de Juiz de Fora. Além dos quatros integrantes da Bocha Casa D'Italia JF, a equipe Estrelas de Minas será representada com três jogadores, sendo eles: Carlos Júnior (Juninho), Marcelo Corrêa (Marcelinho) e Marcos Moraes (Sacolé). Outro time juiz-forano, o Bola Show, será representado no torneio pelo jogador Yuri Botti. 

Já em relação aos demais atletas mineiros inscritos no Bolim de Ouro, o América de São João del Rei será representado por Cydmar Oliveira e Antônio Soares (Amaral). A cidade de Belo Horizonte, por sua vez, terá um representante, Valtencir dos Santos (Gaúcho), do clube Palmeiras. 


Mais de 100 atletas inscritos na competição 

Esta será a nona edição do evento, que acontece uma vez por ano desde 2014. Ao todo, 116 atletas estão inscritos para a disputa da edição de 2022. No ano de 2018, o atleta catarinense, Valdecir Garcia, conquistou o título da competição representando a Casa D'Italia, mediante parceria com a equipe de Juiz de Fora. Na ocasião, a conquista originou no primeiro título nacional para a bocha de Minas Gerais. 

Em 2018, o catarinense Valdecir Garcia conquistou o título do Bolim de Ouro representando a Bocha Casa D'Italia JF.  Foto: Arquivo Bocha Casa D'Italia JF. 

 

 

Os jogos da primeira fase desta competição nacional serão disputados na Região Metropolitana de São Paulo e ABC Paulista. Oito clubes vão sediar a fase classificatória, sendo eles: Corinthians, AABB, Meninos FC, Indiano, Mesc, Piquery, Juventus e São José do Ipiranga. 


Abertura terá a disputa do Psicodelic 

O evento terá início na sexta, com a realização do Torneio Início Bolim de Ouro Brasil Psicodelic Bocce X-treme. A disputa vai contar com a participação dos 16 primeiros colocados no ranking do Bolim de Ouro Brasil, além da presença do campeão do Bolim de Ouro Catarinense e também do Sul-matogrossense. Neste torneio de abertura, os jogos são disputados à noite, sem a luz normal e com iluminação por meio de 30 lâmpadas fluorescentes no ginásio, sendo as marcações da quadra com fita refletida para luz preta. 

Além do recurso da iluminação noturna, o Psicodelic contará com a presença de um DJ, que vai apresentar uma playlist com músicas eletrônicas durante a disputa do torneio de abertura. De acordo com a organização, a presença do DJ é uma atração à parte, com o objetivo de despertar a inserção de jovens na modalidade. 

Abertura terá a realização do Psicodelic Bocce X-treme, onde as partidas são disputadas com iluminação especial. Foto: Arquivo Bolim de Ouro. 

 

 


Disputa principal do Bolim de Ouro 

No sábado, a partir das 09h, terá início a fase seletiva classificatória do tradicional Bolim de Ouro, com a presença de todos os atletas inscritos. A final será no domingo, no clube Mesc, em São Bernardo do Campo/SP. Além dos brasileiros, a competição terá a presença de dois atletas vindos da Grécia e um da Argentina. 

Ginásio de Bocha do clube Mesc, em São Bernardo do Campo, será sede da fase final do Bolim de Ouro. Foto: Arquivo Bolim de Ouro. 

 

 

Para as finais no domingo, 25 atletas estarão classificados para a disputa. Desses, 21 vindos da fase seletiva classificatória do dia anterior, o atual campeão do Bolim de Ouro Brasil, o líder do ranking do torneio, o campeão do Bolim de Ouro Catarinense e o vencedor da etapa estadual Sul-matogrossense. 

Torneio é considerado um dos principais do país na modalidade. Arte: Bolim de Ouro. 

 

 


Copa do Mundo de Futebol será tema do evento 

A cada ano o Bolim de Ouro Brasil tem um tema específico. Neste ano, o evento irá homenagear a Copa do Mundo. Segundo o organizador do torneio, Francisco César Baños (Fran), o objetivo é associar o esporte bocha com as seleções que estarão disputando o mundial de futebol no Catar. Tanto os atletas que vão disputar o Torneio Início, quanto aqueles classificados para a fase final do Torneio Principal, estarão representando uma seleção da Copa do Mundo de 2022. 

Copa do Mundo de Futebol do Catar será o tema do Bolim de Ouro Brasil 2022. Arte: Bolim de Ouro. 

 

 


Atleta campeão terá vaga garantida em torneio internacional na Itália 

Tradicionalmente, o evento acontece no primeiro final de semana de dezembro e o atleta campeão classifica para disputar o Pallino D'Oro Internacional (Bolim de Ouro Internacional) no ano seguinte, sempre com sede na Itália. Em 2023, a competição no circuito italiano está prevista para ser realizada entre março e abril e reunirá os melhores jogadores de bocha do mundo. 

Neste ano, o Pallino D'Oro foi realizado em agosto, na cidade italiana de Sambuchetto. Além do atual campeão nacional Everson Viana, também disputaram representando a delegação brasileira, o gaúcho Daniel Abruzzi (campeão do Bolim de Ouro 2021) e Paulinho Castro (primeiro no ranking nacional do Bolim de Ouro), uma vez que o evento internacional não foi realizado nos anos de 2020 e 2021 por conta da pandemia da Covid-19. 

Registro da delegação brasileira que representou o país no Pallino D'Oro 2022, durante embarque para a Itália. Foto: Arquivo Bolim de Ouro. 

 

 

Comentários:
Redação

Publicado por:

Redação

Portal de notícias criado em novembro de 2020 para informar a população sobre acontecimentos da cidade de Juiz de Fora e região.

Saiba Mais
https://rezato.com.br/
https://rezato.com.br/

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )