Anúncios Airlitgh

RCWTV - Sua fonte de notícias de Juiz de Fora e região.

Sabado, 20 de Abril de 2024
rcwtv
rcwtv

Economia

Renda fixa ou bolsa de valores? Onde e como investir com a queda da Selic (de forma segura)

Como fica a renda fixa agora? Esta nova etapa não promove alterações drásticas no cenário de investimentos e crédito imediatamente, mas indica uma preparação para mudanças mais significativas a médio e longo prazo.

Daiane de Souza
Por Daiane de Souza
Renda fixa ou bolsa de valores? Onde e como investir com a queda da Selic (de forma segura)
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

A recente redução da taxa Selic em 0,5 ponto percentual, ajustando-a para 11,25% ao ano, marca uma continuidade no processo de diminuição dos juros básicos do Brasil, conforme anunciado pelo Banco Central. 

Com a Selic ainda sustentando um patamar elevado, acima dos dois dígitos, os investimentos em renda fixa continuam a ser atrativos. Produtos como o Tesouro Direto indexado ao IPCA e as letras de crédito, beneficiados pela isenção de Imposto de Renda para pessoas físicas, destacam-se pela vantagem que oferecem neste cenário.

No entanto, conforme aponta Thomas Gibertoni, especialista em investimentos, a expectativa de uma Selic em trajetória de queda para cerca de 9% sugere que os investidores comecem a olhar além da renda fixa, diversificando suas carteiras. 

Leia Também:

A renda variável, por exemplo, torna-se uma alternativa crescentemente relevante. A razão para isso é dupla: primeiramente, a redução dos juros torna o crédito mais acessível e barato, estimulando o consumo e o investimento, o que pode impulsionar a economia e, por consequência, as empresas listadas na bolsa de valores. 

Além disso, com juros mais baixos, a renda fixa tende a oferecer retornos menores, tornando a renda variável, com seu potencial de valorização mais expressivo, mais atraente para quem busca maior rentabilidade. Outra opção são os fundos de investimentos, que podem aplicar em diversas ações de uma vez. 

Portanto, mesmo diante de uma Selic em queda, a renda fixa ainda se mostra uma opção segura e rentável. Contudo, é essencial que os investidores mantenham-se atentos às tendências econômicas e considerem a diversificação de seus investimentos, incluindo a renda variável em suas estratégias, antecipando-se às mudanças no cenário econômico e financeiro do país.

Selic para 2024: quais são as projeções?

Com a mais recente atualização do Relatório de Mercado Focus, divulgada pelo Banco Central, as projeções para a taxa Selic refletem uma visão de médio prazo sobre a política monetária no governo de Luiz Inácio Lula da Silva. 

Para o fechamento de 2024, a mediana das expectativas se mantém firme em 9,00%. Esta estabilidade sugere um consenso no mercado sobre o caminho da política de juros no Brasil, mesmo após o Banco Central ter promovido o quinto corte consecutivo na Selic, agora em 11,25% ao ano, buscando suavizar os juros em meio a um cenário de inflação brasileiro. 

Notavelmente, o Comitê de Política Monetária (COPOM) tem sinalizado que a abordagem de cortes de 0,50 ponto percentual parece ser a mais adequada para as próximas reuniões, uma direção que já vem sendo adotada desde agosto. 

Esta orientação prevê ajustes na Selic em março e maio, destacando uma estratégia cuidadosa que visa equilibrar a necessidade de estimular a economia com a obrigação de controlar a inflação.

Para os anos subsequentes, 2025 a 2027, a previsão para a Selic estabiliza-se em 8,50%, evidenciando uma perspectiva de continuidade na política de relaxamento monetário. Essa tendência reflete a expectativa de que as condições inflacionárias permitirão uma postura mais flexível, apoiando o crescimento econômico sem comprometer a estabilidade dos preços. 

O Copom enfatiza que a trajetória futura dos juros dependerá da evolução da inflação, particularmente dos seus componentes mais sensíveis à política monetária e à atividade econômica, bem como das expectativas de inflação de longo prazo e das projeções de inflação.

Acompanhe o RCWTV para mais notícias sobre economia. 

Comentários:
Daiane de Souza

Publicado por:

Daiane de Souza

Jornalista (0007147/SC) e redatora SEO com vasta experiência em diferentes empresas: Receitinhas, Yooper, Marfin, Petrosolgas, Diário Prime, Superprof, Tec Mobile, Hora de Codar e muito mais!

Saiba Mais
https://rezato.com.br/
https://rezato.com.br/

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )