Anúncios Airlitgh

RCWTV - Sua fonte de notícias de Juiz de Fora e região.

Quinta-feira, 18 de Julho de 2024
rcwtv
rcwtv

Política

Proposta institui política nacional para a saúde mental dos homens

Iniciativa deverá abordar ansiedade, depressão e prevenção ao suicídio, entre outros aspectos; texto está em análise na Câmara dos Deputados

Redação
Por Redação
/ 71 acessos
Proposta institui política nacional para a saúde mental dos homens
Felipe Rodrigues/Câmara dos Deputados
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
Felipe Rodrigues/Câmara dos Deputados
Pedro Aihara é o autor da proposta

O Projeto de Lei 230/24, em análise na Câmara dos Deputados, institui a Política Nacional de Saúde Mental para os Homens.

Pela proposta, essa política deverá abordar os seguintes aspectos:

ansiedade e depressão masculina; prevenção ao suicídio; importância do acompanhamento psicológico para homens; manejo do estresse; e identificação e abordagem dos impulsionadores de violência ligados à saúde mental masculina.

Serão princípios e diretrizes dessa política nacional:

Leia Também:

realizar programas de prevenção, identificação precoce e tratamento adequado de transtornos de ansiedade e depressão entre a população masculina; desenvolver estratégias de prevenção do suicídio entre homens, incluindo campanhas de conscientização e capacitação de profissionais de saúde; oferecer serviços de apoio psicológico e psiquiátrico; garantir o acesso equitativo e integral a serviços de acompanhamento psicológico para homens, considerando necessidades específicas e promovendo um ambiente acolhedor e livre de estigmas; desenvolver políticas e programas de redução do estresse, com ênfase em estratégias de promoção da saúde, equilíbrio entre vida pessoal e profissional, e gestão de conflitos; e identificar fatores que contribuem para a manifestação de comportamentos violentos entre homens, por meio de ações educativas, culturais e sociais que valorizem o diálogo, a empatia e o respeito mútuo.

Ainda pelo projeto, governos em todos os níveis e a sociedade em geral deverão promover campanhas educativas e de conscientização sobre a importância da saúde mental masculina, incentivando sempre a busca por ajuda profissional.

Recursos A Política Nacional de Saúde Mental para os Homens deverá ser executada com recursos oriundos de dotações orçamentárias nos órgãos que dela participarem, em harmonia com os planos federais, estaduais, distritais e municipais.

“Muitos homens resistem a buscar ajuda devido a barreiras culturais e sociais”, afirmou o autor da proposta, deputado Pedro Aihara (PRD-MG). “É necessário incentivar e facilitar o acesso deles aos serviços de saúde mental”, acrescentou.

Tramitação O projeto tramita em caráter conclusivo e será analisado pelas comissões de Saúde; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Saiba mais sobre a tramitação de projetos de lei
FONTE/CRÉDITOS: Agência Câmara Notícias
Comentários:
https://rezato.com.br/
https://rezato.com.br/

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )