Anúncios Airlitgh

RCWTV - Sua fonte de notícias de Juiz de Fora e região.

Segunda-feira, 26 de Fevereiro de 2024
rcwtv
rcwtv

Região

Polícia Civil se mobiliza no enfrentamento à violência contra a mulher e orienta foliões para um Carnaval seguro em Minas

Instituição realiza ações para conscientizar quem vai à festa sobre medidas de segurança pessoal para evitar furtos, roubos e outras situações de vulnerabilidade

Marcus Macedo
Por Marcus Macedo
Polícia Civil se mobiliza no enfrentamento à violência contra a mulher e orienta foliões para um Carnaval seguro em Minas
PCMG / Divulgação
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Sob o lema “Depois do não, é crime, uai!”, a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) lança uma campanha de sensibilização para que os participantes do Carnaval desfrutem das festividades com segurança.

Integrando a campanha estadual “Carnaval da Liberdade. Carnaval da Tranquilidade”, a iniciativa conta com a distribuição de material educativo, como vídeos, cards digitais, leques, adesivos, panfletos e uma cartilha com conselhos práticos para prevenir crimes e riscos. Todo esse conteúdo está disponível para a população e turistas através das redes sociais e do site da PCMG.

Durante os eventos de pré-Carnaval e nos dias oficiais da celebração, tanto na capital quanto no interior de Minas Gerais, a Polícia Civil tem distribuído esses materiais informativos, com o apoio de instituições parceiras, visando reforçar a segurança durante as festividades. Em Itabira, por exemplo, a equipe da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher liderou uma dessas ações de conscientização.

Publicidade

Leia Também:

O delegado João Martins Teixeira Barbosa, responsável pela ação, enfatizou a importância de informar sobre comportamentos que configuram crimes, promover um Carnaval respeitoso e prevenir delitos contra a dignidade sexual das mulheres.

A campanha visa principalmente combater a violência contra a mulher, alertando sobre as consequências legais de atos de importunação sexual e estupro, conforme explicado pela delegada Nicole Perim. Ela enfatiza que qualquer desrespeito ao consentimento feminino pode resultar em prisão.

Adicionalmente, a PCMG oferece dicas de segurança pessoal para reduzir furtos, roubos e outras vulnerabilidades durante o Carnaval, como cuidados com pertences e atenção a situações suspeitas.

Para reforçar o policiamento durante o Carnaval, a PCMG aumentará seu efetivo com 1,2 mil servidores, abrangendo delegacias de plantão, cidades turísticas, unidades periciais e o Instituto de Identificação.

Em casos de necessidade de registro de ocorrências, a Delegacia Virtual da PCMG está disponível para diversas situações, incluindo acidentes de trânsito sem vítimas, perda de documentos, desaparecimentos, entre outros, além de ameaças e violência doméstica.

O Plantão Integrado Acolhe Minas, operado pelo Departamento Estadual de Investigação, Orientação e Proteção à Família (Defam), oferecerá atendimento especializado a mulheres vítimas de violência durante o Carnaval, situado na Casa Verde, Praça da Liberdade, em Belo Horizonte.

O serviço integrado prestará escuta qualificada, atendimento psicossocial, orientação jurídica e encaminhamento para abrigos, reforçando o compromisso da PCMG com a segurança e o bem-estar dos participantes do Carnaval.

FONTE/CRÉDITOS: Governo de Minas Gerais
Comentários:
Marcus Macedo

Publicado por:

Marcus Macedo

Saiba Mais
https://rezato.com.br/
https://rezato.com.br/

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )