Anúncios Airlitgh

RCWTV - Sua fonte de notícias de Juiz de Fora e região.

Segunda-feira, 17 de Junho de 2024
rcwtv
rcwtv

Juiz de Fora

MPMG vai investigar possíveis irregularidades em contrato feito pela Acispes, em Juiz de Fora

O contrato está sob suspeita de má prestação de serviço, além de duplicidade e valor superior ao acordo anteriormente mantido com a GIW INFORMATICA LTDA

Redação
Por Redação
/ 443 acessos
MPMG vai investigar possíveis irregularidades em contrato feito pela Acispes, em Juiz de Fora
Acessa - Acispes
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

A Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público de Juiz de Fora abriu um procedimento preparatório para apurar possíveis irregularidades em um contrato firmado pela Agência de Cooperação Intermunicipal em Saúde Pé da Serra (Acispes) com a empresa GUILHERME ANDRE COSTA FERREIRA, conhecida como GW SOLUTION ou GW TECNOLOGIA EM SAÚDE. O contrato está sob suspeita de má prestação de serviço, além de duplicidade e valor superior ao acordo anteriormente mantido com a GIW INFORMATICA LTDA.

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) confirmou que as investigações estão em andamento, porém, ainda estão em estágio inicial e não há informações ou irregularidades constatadas a serem divulgadas no momento. A Acispes, por meio de comunicado, afirmou que está colaborando com o Ministério Público, atendendo aos pedidos e ofícios emitidos durante a investigação. A organização reitera sua segurança em relação à legalidade dos ajustes firmados, afirmando que isso será comprovado ao final do processo.

Informações importantes sobre a investigação do contrato da Acispes

Leia Também:

  • A Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público de Juiz de Fora abriu um procedimento para investigar um contrato firmado pela Acispes.
  • A empresa GW SOLUTION, também conhecida como GW TECNOLOGIA EM SAÚDE, está envolvida no contrato sob suspeita.
  • O contrato está sendo analisado por má prestação de serviço, duplicidade e valor superior ao contrato anterior.
  • O Ministério Público de Minas Gerais confirmou a investigação, mas não há irregularidades comprovadas até o momento.
  • A Acispes afirma que está colaborando com o Ministério Público e acredita na legalidade dos ajustes firmados.

 

Receba notícias da RCWTV no Whatsapp e fique por dentro das principais notícias que movimentam o nosso site! Participe do nosso grupo: link do grupo do Whatsapp

FONTE/CRÉDITOS: Acessa
Comentários:
Redação

Publicado por:

Redação

Portal de notícias criado em novembro de 2020 para informar a população sobre acontecimentos da cidade de Juiz de Fora e região.

Saiba Mais
https://rezato.com.br/
https://rezato.com.br/

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )