Anúncios Airlitgh

RCWTV - Sua fonte de notícias de Juiz de Fora e região.

Sexta-feira, 12 de Abril de 2024
https://rezato.com.br/
https://rezato.com.br/

Juiz de Fora

Guarda desenvolve atividade antibullying em Humaitá

A ação visa promover relações interpessoais saudáveis entre alunos e professores, buscando diminuir comportamentos destrutivos e preconceituosos que causam sofrimento

Redação
Por Redação
Guarda desenvolve atividade antibullying em Humaitá
Imprensa PJF
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

A Guarda Municipal de Juiz de Fora, em parceria com a Secretaria de Segurança Urbana e Cidadania (Sesuc), implementou o projeto "Guardas no Apoio e Prevenção nas Escolas (Gape)" na Escola Municipal Coronel Emílio Esteves dos Reis, localizada na região de Humaitá. O objetivo dessa iniciativa é combater o bullying e o racismo por meio de conversas e reflexões com a comunidade escolar. A ação visa promover relações interpessoais saudáveis entre alunos e professores, buscando diminuir comportamentos destrutivos e preconceituosos que causam sofrimento.

A importância da informação no combate ao bullying e ao racismo é ressaltada pelos profissionais envolvidos no projeto. Segundo especialistas, as vítimas de bullying podem sofrer danos que perduram por até 40 anos em suas vidas. Portanto, é fundamental tratar esse assunto com seriedade, uma vez que o sofrimento causado por essas práticas não deve ser considerado como brincadeira.

A atividade desenvolvida pelo Gape inicia-se com a apresentação de cada aluno, proporcionando um ambiente em que todos podem se ver mutuamente, estimulando o reconhecimento mútuo e a disposição para mudar a forma como se relacionam. Além disso, é formada uma rede de proteção, em que todos se comprometem a não aceitar práticas maliciosas ou destrutivas em silêncio.

Leia Também:

A compreensão do bullying e do racismo como manifestações da dificuldade em lidar com as diferenças é o caminho percorrido pela equipe do projeto. É importante reconhecer que a construção da identidade de cada pessoa se dá a partir de suas características físicas, como cor da pele, tipo de cabelo, formato do nariz e do corpo. Essas características não devem ser motivos de exclusão, perseguição ou humilhação, pois ser diferente é algo absolutamente normal. Portanto, é necessário praticar a aceitação de si mesmo e do outro como exercício de humanidade.

As palestras ministradas pela Guarda Municipal nas escolas atendem às demandas das unidades e fortalecem os laços com a comunidade escolar, contribuindo para a promoção da segurança nesses ambientes. Diversas escolas municipais e estaduais já foram beneficiadas pela iniciativa, incluindo as Escolas Municipais Carlos Fagundes, Vereador Marcos Freez, Santa Cecília, Georg Rodembch, Vereador Raymundo Hargreaves, Camilo Guedes, Santa Cândida, Marlene Barros, Carlos Drummond Andrade e a Escola Estadual Almirante Barroso.

O Gape é um projeto preventivo criado pela Guarda Municipal e retomado pela Secretaria de Segurança Urbana e Cidadania (Sesuc) com o propósito de fortalecer a construção de relações mais pacíficas nas escolas. A portaria nº 14 da Sesuc regulamenta o projeto, estabelecendo políticas de prevenção à violência e fortalecimento da cidadania.

 

Receba notícias da RCWTV no Whatsapp e fique por dentro das principais notícias que movimentam o nosso site! Participe do nosso grupo: link do grupo do Whatsapp

FONTE/CRÉDITOS: Imprensa PJF
Comentários:
Redação

Publicado por:

Redação

Portal de notícias criado em novembro de 2020 para informar a população sobre acontecimentos da cidade de Juiz de Fora e região.

Saiba Mais
rcwtv
rcwtv

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )