Anúncios Airlitgh

RCWTV - Sua fonte de notícias de Juiz de Fora e região.

Terça-feira, 27 de Fevereiro de 2024
https://rezato.com.br/
https://rezato.com.br/

Cultura e Entretenimento

Governo de Minas lança Carnaval da Liberdade e detalha ações para garantir o bem-estar de foliões e turistas no estado

Expectativa é que mais de 50 mil empregos diretos sejam criados e a festa movimente mais de R$ 1,8 bi na economia mineira; Carnaval da Tranquilidade é opção para quem deseja curtir outros atrativos e destinos

Marcus Macedo
Por Marcus Macedo
Governo de Minas lança Carnaval da Liberdade e detalha ações para garantir o bem-estar de foliões e turistas no estado
Gil Leonardi / Imprensa MG
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Nesta quinta-feira (18/1), o Governo de Minas Gerais lançou o Carnaval da Liberdade e o Carnaval da Tranquilidade. Este ano, o Estado está coordenando ações de diversas pastas e órgãos, visando realizar uma festa inclusiva e segura, com opções para todos os públicos. A meta é superar o Carnaval de 2023, que já foi o maior no estado, fortalecendo a posição de Minas Gerais como um dos principais destinos carnavalescos do país.

O governador Romeu Zema destacou a importância do Carnaval para o estado e enfatizou as diversas opções que Minas Gerais oferece para quem quer aproveitar o período. Com o Carnaval da Liberdade e o Carnaval da Tranquilidade, a intenção é estimular o desenvolvimento da festa não apenas na capital, mas também pelo interior do estado, promovendo os destinos de diversas regiões mineiras.

O governador ressaltou: "Vamos ter um carnaval como nunca tivemos. E, quando se fala em cultura, estamos falando de economia criativa, que gera empregos em grandes quantidades. Nós nunca tivemos um período com a taxa de ocupação tão elevada dos hotéis, não só na capital como também no interior. E queremos que o Carnaval de Minas seja um evento diferente de tudo o que existe no Brasil."

Publicidade

Leia Também:

Segundo a Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Secult), a previsão é que a folia movimente R$ 1,8 bilhão na economia da criatividade. A expectativa de público é que o fluxo turístico alcance 12,1 milhões de foliões e turistas em todo o estado, com 6,6 milhões no interior e 5,5 milhões em BH.

O vice-governador Professor Mateus destacou que a expectativa é um crescimento de 20% na movimentação econômica em relação ao Carnaval do ano passado, gerando mais de 50 mil empregos.

Com a atuação interseccional, o Governo de Minas busca incentivar a festa tradicional e as manifestações culturais, além de contribuir para impulsionar a economia criativa, gerando oportunidades de emprego e renda para os municípios.

A Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais (Secult) realizará diversas ações em todo o estado para qualificar, estruturar e promover o Carnaval da Liberdade e o Carnaval da Tranquilidade. Ambas as iniciativas englobam projetos em 450 municípios para 2024.

Diversos destinos turísticos estão disponíveis para quem busca o Carnaval da Tranquilidade, combinando aventura, religiosidade, gastronomia, cultura e riquezas naturais. Caxambu, Araxá, São Lourenço, Cambuquira, Carrancas, Serra do Cipó, Ibitipoca, Três Marias, Serra da Canastra, entre outros, são opções para quem deseja aproveitar o Carnaval de forma tranquila.

Para atrair mais turistas, gerar emprego e renda e reforçar Minas Gerais como um dos principais destinos de Carnaval, o Governo lançou a campanha nacional “Vem pra Minas no Carnaval”. A campanha é a primeira realizada pelo poder público mineiro com abrangência nacional, destacando artistas e a folia do estado.

A Secretaria também promove diversas ações para divulgar o Carnaval pelo interior e no site Visite Minas (www.minasgerais.com.br), fornecendo informações sobre eventos, roteiros, itinerários, previsão do tempo e utilidade pública.

Para preparar os pequenos negócios para o Carnaval, o Estado, em parceria com o Sebrae Minas e a CDL/BH, lançará a coletânea “Meu Negócio é Carnaval”, com mais de 50 conteúdos gratuitos direcionados para empreendedores dos setores de economia criativa, alimentação, comércio e turismo.

Por meio do programa Minas Recebe, o Governo realiza um trabalho de qualificação de profissionais para receber turistas e potencializar os negócios de forma mais efetiva.

Projetos carnavalescos de diversas regiões de Minas Gerais, como Itaúna, Paracatu, Tiros, Tiradentes, Contagem, Diamantina, entre outras, foram viabilizados por meio de recursos da Lei Estadual de Incentivo à Cultura.

Divulgação e receptividade

A nova sonorização do Carnaval de BH, que modernizará a folia na capital, foi viabilizada pela mesma lei. Em 2024, o Carnaval receberá investimentos e incentivos de pelo menos R$ 13 milhões, contemplando mais de 30 projetos de todas as regiões do estado.

No período de Carnaval, a Secretaria de Estado de Saúde intensificará as ações de conscientização sobre infecções sexualmente transmissíveis (ISTs). Campanhas nas redes sociais reforçarão a importância da prevenção, e a distribuição gratuita de preservativos será realizada nas unidades básicas de saúde.

Outros cuidados, como a Profilaxia Pós-Exposição (PEP) e a Profilaxia Pré-Exposição (PrEP), também estarão disponíveis, assim como a testagem rápida de HIV/Aids, hepatites virais B e C e sífilis em unidades de saúde e centros de testagem e aconselhamento. Em caso de resultado reagente, o tratamento será oferecido gratuitamente pelo SUS.

A Praça da Liberdade será transformada novamente em um espaço de descanso e recuperação para os foliões, com ação chamada Atrium da Liberdade, proporcionando programações gratuitas para toda a família.

Saúde

Durante o período de Carnaval, a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) ampliará suas iniciativas de conscientização sobre as infecções sexualmente transmissíveis (ISTs). Nos dias de festa, os blocos de rua reforçarão a mensagem aos foliões sobre a importância da prevenção. Uma campanha nas redes sociais será realizada, enfatizando que a diversão deve estar associada a práticas seguras.

Além da distribuição gratuita de preservativos nas unidades básicas de saúde, a população terá acesso a outros cuidados, como a Profilaxia Pós-Exposição (PEP), que envolve o uso de medicamentos após uma exposição de risco ao vírus, e a Profilaxia Pré-Exposição (PrEP), que consiste no uso de medicamentos de forma contínua ou sob demanda antes das relações sexuais para prevenir o HIV. Os interessados devem procurar a unidade de saúde mais próxima para orientações sobre essas profilaxias.

Pessoas que consideram a possibilidade de terem sido expostas a ISTs devido a uma relação sexual desprotegida, pelo não uso ou rompimento do preservativo, devem realizar a testagem rápida de HIV/Aids, hepatites virais B e C, e sífilis em uma Unidade Básica de Saúde ou nos Serviços de Atenção Especializada e Centros de Testagem e Aconselhamento (SAE/CTA).

Em caso de resultado reagente, o SUS oferece tratamento gratuito, que inclui consultas com equipes multiprofissionais, exames e dispensação de medicamentos. Mais informações estão disponíveis em www.saude.mg.gov.br/sexoseguro.

Lançamento

O lançamento do Carnaval da Liberdade foi transmitido pela internet, com imagens da Rede Minas. Confira, na íntegra, no vídeo abaixo:

Clique aqui  para acessar a apresentação das ações intersetoriais do Governo de Minas. 

 

FONTE/CRÉDITOS: Governo do Estado de Minas Gerais
Comentários:
Marcus Macedo

Publicado por:

Marcus Macedo

Saiba Mais
rcwtv
rcwtv

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )