Anúncios Airlitgh

RCWTV - Sua fonte de notícias de Juiz de Fora e região.

Quinta-feira, 18 de Julho de 2024
https://rezato.com.br/
https://rezato.com.br/

Política

Comissão aprova inclusão de pessoas com deficiência nas políticas públicas de difusão dos direitos humanos

Texto altera a lei que prevê a divulgação dos direitos fundamentais e dos direitos humanos em emissoras públicas

Redação
Por Redação
/ 57 acessos
Comissão aprova inclusão de pessoas com deficiência nas políticas públicas de difusão dos direitos humanos
Zeca Ribeiro / Câmara dos Deputados
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
Zeca Ribeiro / Câmara dos Deputados
Merlong Solano: iniciativa contribuirá para a proteção das pessoas com deficiência

A Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 4396/23, que inclui as pessoas com deficiência nas políticas públicas de difusão dos direitos fundamentais e dos direitos humanos.

O texto altera a Lei 14.583/23, que prevê a divulgação dos direitos fundamentais e dos direitos humanos em programações de emissoras públicas de radiodifusão; na publicidade de atos, programas, obras, serviços e campanhas dos órgãos públicos; e nos contracheques dos servidores públicos federais.

Apresentado pelo deputado Márcio Jerry (PCdoB-MA), o projeto também inclui o Estatuto da Pessoa com Deficiência e a Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, assinada em Nova York em 2007, entre os documentos que preveem direitos fundamentais a serem difundidos pelos poderes constituídos no País, em todas as esferas de atuação.

Leia Também:

O parecer do relator, deputado Merlong Solano (PT-PI), foi favorável à proposta. Para ele, a iniciativa contribuirá para uma maior proteção e inclusão social das pessoas com deficiência. 

“O projeto confere concretude e consequência às determinações e compromissos assumidos pelo Brasil perante a comunidade internacional quando ratificou e incorporou ao seu ordenamento jurídico interno, com força de emenda constitucional, a Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência”, disse.

Próximos passos A princípio, a proposta será analisada em caráter conclusivo pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania. Porém, foi aprovado requerimento de urgência para o projeto, o que poderá acelerar a tramitação, fazendo com que ele seja votado diretamente no Plenário.

Saiba mais sobre a tramitação de projetos de lei

FONTE/CRÉDITOS: Agência Câmara Notícias
Comentários:
rcwtv
rcwtv

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )